Instituto Histórico IMPHIC - Betim

"Sapire ut protegas, Protegere ut conserues"

A Irmandade Nossa Senhora do Rosário de Betim, tem suas origens em 1711, quando Betim ainda era Distrito de Capela Nova.
Desde os tempos das capitanias, dezenas de capelas abrigavam a imagem de Nossa Senhora do Rosário e seus devotos, cidadãos de cor. As raízes dos congadeiros de Betim estão nas famílias de Sr. Joaquim Nicolau, que deram continuidade, formando a Irmandade de Nossa Senhora do Rosário, São Benedito, Santa Efigênia e Nossa Senhora Aparecida.
Apartir de 1861 cresceram em número os congadeiros que mais vezes passaram a homenagear suas protetoras. Em Maio dançam em homenagem à Princesa Isabel. Em agosto e setembro em honra á Senhora do Rosário.
As Comemorações do dia de Nossa Senhora do Rosário em Betim inicia-se no mês de agosto. No início do mês acontece, o levantamento da Bandeira de Aviso. No dia 21 de agosto, a novena com reza de terço em louvor de Nossa Senhora do Rosário.
Dia 28 de agosto, o levantamento das Bandeiras de São Benedito, de Santa Efigênia, de São Sebastião, de Nossa Senhora do Rosário, de São João Bosco e de Nossa Senhora da Aparecida. Dia 30 de agosto, o cumprimento de promessas, coroação de Reis, Rainhas, Barões, Baronesas e devotos de Nossa Senhora de Rosário.
A Irmandade é composta por 06 grupos de congadeiros, sendo a Guarda Moçambique com o Capitão José Teodoro, a Guarda de Congo São Benedito, com a primeira Capitã Sr.ª Geralda, a Guarda de Moçambique com a primeira Capitã Sr.ª Maria Isidora Nanini, a Guarda de Marujo São João Bosco, com a Rainha Conga Sr.ª Alzira dos Santos, Guarda de Moçambique Nossa Senhora do Rosário, primeiro Capitão Sr. Dalmo de Assis, a Guarda de Congo com o primeiro Capitão Sr. Raimundo.
A disciplina e a obediência aos rituais são rígidas. Os participantes têm que se vestirem a caráter, respeitarem as hierarquias e serem fervorosos.
Somente no ano de 1894, concretizou-se o sonho dos devotos da Senhora do Rosário em ter um lugar para a guarda permanente da imagem da Santa. Muitos não puderam contemplar a tamanha elegância que, hoje, abriga no coração da cidade, a Capela do Rosário no bairro Angola.
Atualmente, a participação do branco já é permitida, mas , no passado, somente os negros podiam fazer parte dos rituais e havia uma abstinência sexual por parte de todo os componentes da Irmandade. Vem sendo desenvolvido um trabalho de conscientização do negro, visando buscar suas origens, costumes, hábitos, valores culturais, e a sua cidadania, através de cursos, palestras e eventos religiosos e culturais.
A Irmandade do Rosário, Santa Efigenia, São Benedito e Nossa Senhora a Aparecida é reconhecida como utilidade pública do Município de Betim, com uma diretoria que se reúne mensalmente, sendo a mesma registrada em cartório.

Exibições: 195

Anexos

Responder esta

© 2020   Criado por Charles Moraes de Lima.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço