Instituto Histórico IMPHIC - Betim

"Sapire ut protegas, Protegere ut conserues"

PODEMOS COMEÇAR NOSSAS DISCUSSÕES A PARTIR DESSE TEXTO

CATEGORIAS DE ARTESANATOS
A dificuldade de caracterização do Artesanato, dada a sua natureza plural e abrangente, estabeleceu-se um conjunto de conceitos, de modo a nortear as ações estratégicas desenvolvidas. Primeiramente, são identificadas 03 categorias dos produtos artesanais, definidas de acordo com sua origem, uso e destino:

Arte popular

Conjunto de atividades poéticas, musicais, plásticas e expressivas, que configuram o modo de ser e de viver daquela parcela da população de menor grau de instrução formal e distanciada do acesso (física e economicamente) aos bens e serviços ofertados pela sociedade industrial e urbana.

Artesanato

A partir do conceito proposto pelo Conselho Mundial do Artesanato define-se como artesanato toda atividade produtiva que resulte em objetos e artefatos acabados, feitos manualmente ou com a utilização de meios tradicionais ou rudimentares, com habilidade, destreza, qualidade e criatividade.

Trabalhos manuais

Os trabalhos manuais exigem destreza e habilidade, porém utilizam moldes e padrões pré-definidos, resultando em produtos de estética pouco elaborada. Não são resultantes de processo criativo efetivo. É, em geral, uma ocupação secundária sendo utilizado o tempo disponível das tarefas domésticas para a complementação da renda familiar ou mesmo como passatempo.

No que se refere à categoria "Artesanato", são consideradas, por sua vez, as seguintes subcategorias:

Produtos alimentícios (típicos)
Os produtos típicos são, em geral, produtos alimentícios processados segundo métodos tradicionais, em pequena escala, muitas vezes em família ou por um determinado grupo. Apesar de serem produzidos artesanalmente, serão atendidos apenas parcialmente pelo projeto.


Artesanato indígena
São os objetos produzidos no seio de uma comunidade indígena, por seus próprios membros. São, em sua maioria, resultante de uma produção coletiva, incorporada ao cotidiano da vida tribal, que prescinde da figura do artista ou do autor.

Artesanato tradicional
Conjunto de artefatos mais expressivos da cultura de um determinado grupo, representativo de suas tradições porém incorporados à sua vida cotidiana. Sua produção é, em geral, de origem familiar ou de pequenos grupos vizinhos, o que possibilita e favorece a transferência de conhecimentos sobre técnicas, processos e desenhos originais. Sua importância e seu valor cultural decorrem do fato de ser depositária de um passado, de acompanhar histórias transmitidas de geração em geração, de fazer parte integrante e indissociável dos usos e costumes de um determinado grupo.




Artesanato de referência cultural
São produtos cuja característica é a incorporação de elementos culturais tradicionais da região onde são produzidos. São, em geral, resultantes de uma intervenção planejada de artistas e designers, em parceria com os artesãos, com o objetivo de diversificar os produtos, porém preservando seus traços culturais mais representativos.

Artesanato conceitual
Objetos produzidos por pessoas com alguma formação artística, de nível educacional e cultural mais elevado, geralmente de origem urbana, resultante de um projeto deliberado de afirmação de um estilo de vida ou afinidade cultural. A inovação é o elemento principal que distingue este artesanato das demais categorias. Por detrás destes produtos existe sempre uma proposta, uma afirmação sobre estilos de vida e de valores, muitas vezes explícitos através dos sistemas de promoção utilizados, sobretudo aqueles ligados ao movimento ecológico e naturalista.

Produtos semi-industriais e industriais (“industrianato”)
Produção em grande escala, em série, com utilização de moldes e fôrmas, máquinas e equipamentos de reprodução, com pessoas envolvidas e conhecedoras apenas de partes do processo. Este tipo de produto não fará parte dos produtos disponíveis no Centro de Artesanato



QUADRO DE CATEGORIAS DE ARTESANATOS

ARTE POPULAR
Produção de peças únicas
Arquétipo*
Compromisso consigo mesmo
Fruto da criação individual

ARTESANATO
Produção de pequenas séries com regularidade
Produtos semelhantes, porém diferenciados entre si
Compromisso com o mercado
Fruto da necessidade

TRABALHOS MANUAIS (Artesanato Doméstico)
Produção Assistemática
Reprodução ou cópia
Ocupação secundária
Fruto da destreza

* produto único, representativo da realidade de quem o produz e que serve de inspiração e modelo para a criação de outros produtos artesanais.

Exibições: 118

© 2020   Criado por Charles Moraes de Lima.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço